Até o Caroço!

ateOcaroco_bannerPEQ.png

Até o Caroço é um projeto duplo que chega fechar dois ciclos da carreira de Zeni. O primeiro, aberto em 2019 e um segundo interrompido pela pandemia. São dois clipes da artista. Um da música "Fruta Roqueira" e outro do som "Minas Armadas" que vem crescendo  a cada dia que passa. Atualmente está sendo tocada em oito países.

 

 

 


"Fruta Roqueira" que teve suas filmagens no primeiro semestre de 2019, já estava estagnado mesmo antes da pandemia devido a escassez de recursos para editar as imagens em alta qualidade que foram capturadas.

Até que veio a oportunidade de fechar estes ciclos com o apoio da Secretaria de Cultura de Macapá, com recursos provenientes da Lei Federal n° 14.017, de 29 de Junho de 2020.
 

"A ideia era produzir um clip experimental que pudesse mostrar a reação, o feedback do público em tempo real. A proposta foi sair, tocar para as pessoas nas ruas e registrar a primeira sensação das pessoas. Procuramos um público diverso - de diferentes idades e condição social. A experiência também traz uma reflexão sobre as adversidades da classe artística", disse Zeni.

Neste Instante a finalização do clipe de "Fruta Roqueira" foi concluída. Estreou dia 28 de maio no Youtube e tu já pode comentar e compartilhar. Aproveite e participe do sorteio de brindes. É só "printar" o seu momento preferido do clipe e compartilhar no feed da sua rede social, em modo público, com a hastag #clipeFrutaRoqueira e concorrer a camisetas da canção. Boa sorte! Os sorteios já começaram no IGTV da artista.

fruta_roqueira_paulo.jpg

Sr Paulo, que estava trabalhando como catador, neste dia, foi a primeira pessoa a ser abordada pela equipe

Clica Aqui para assistir ao clipe de Fruta Roqueira

"Minas Armadas", lançada no início da pandemia do coronavírus - onde os casos de violência doméstica só aumentavam devido a reclusão de agressores e agredidas no mesmo local, segundo dados da OMS - cresceu rapidamente mas não poder seguir com a confecção de um clipe oficial devido a pandemia, porém ganhou um Web Clipe Colaborativo com mulheres de vários estados brasileiros, incluindo o Amapá. Assim não ficou sem identidade áudio visual.
 

Com a oportunidade de recursos para a finalização deste trabalho, agora ele segue em fase de ensaio. A artista optou por realizar uma performance  em estúdio fechado somente para a equipe para obter o mínimo de contato pessoal, prezando as normas de distanciamento. A ideia de performar também foi reforçada depois da construção do Web Clipe, onde algumas participantes optaram por fazer performances. Foram elas Allegra Ceccarelli e Camila Taari, que executaram performances muito expressivas no vídeo. O que acabou mudando de vez os planos iniciais de filmar com vários atores, cenários e afins.

A perfomance está sendo montada pelo professor de dança Pablo Sena e seus balarinos, da Cia Amapaense de Danças, o grupo Âmago.


 

minas_ensaio_performance.jfif

Gabi, Pablo, Brenda, Amanda, João e Letícia no estúdio amapaense, Âmago.

Acompanhe mais notícias no instagram e fanpagen da artista. E em breve, aqui também neste "bat-site". Até logo!

 

logos aldir blanc_brancoPNG.png